quinta-feira, 16 de abril de 2015

Quando fraco forte sou



De tudo o que conhecemos sobre nós uma coisa podemos concluir: somos seres frágeis. Nós mesmos somos uma ameça à nossa integridade, somos instáveis e o nosso comportamento inconstante nos põe em dúvida se realmente podemos ser chamados de amigos de Deus.

Deixa eu te dizer uma coisa: Deus tem mão leves que manuseiam os objetos mais delicados.

Quando Deus criou o homem ele tinha conhecimento da capacidade de sua obra. Te ver chorando no seu canto não é surpresa para ele, tampouco ter que nos tratar como crianças pequenas lhe é estranho. Somos fracos e ele sabe disso, afinal, foi ele quem nos fez assim. Ele poderia ter criado seres com senso de impecabilidade, mas ele não o fez. Por quê? Não faço ideia! - talvez sejam essas loucuras que o tornem tão interessante.

Não é preciso estudar muito para reconhecer nossa fraqueza. Não precisamos necessariamente compreender, mas se nos considerarmos tão fracos quanto somos, estaremos caminhando em direção à solução.

Paulo disse que sentia prazer em suas fraquezas, pois nelas é que o poder de Deus se manifesta. É durante a fraqueza que não temos forças para caminhar, então Jesus nos pega no colo. Na fraqueza não temos palavras para expressar nossa angústia, então o Espírito Santo transforma nossas lágrimas em uma poesia suave aos ouvidos de Deus.

A nossa fraqueza gera dependência. Depender de Deus é o que nos torna mais fortes!

Agora não somos nós quem lutamos, mas o próprio Deus. É a vez do criador do jogo mover as peças.

O bom de andar com Deus é não precisar bancar o durão, pois bem no fundo todos nós somos como folhas de outono, prestes a cair. Então o vento chega e dança, e nos deixa longe do chão. Com ele viajamos por lugares que não escolhemos, mas ninguém pode nos despedaçar num andar descuidado.

Com as mão atadas e olhos vendados tudo o que temos é Cristo em nós.

2 comentários:

  1. Que lindo! Graças a Deus por nos ajudar em momentos de aflição e ser sempre nossa força! Amei seu texto! ♥
    P.S.: Email respondido! :)

    ResponderExcluir