terça-feira, 16 de junho de 2015

Mas, cara, eu não tenho dom!?



Ele prega. Ele canta. Ele evangeliza tão rápido que 40 pessoas vieram se batizar no mesmo dia. Ela é missionaria na África.

Ele, ela. Ela, ele. E você? Qual é o seu dom?

O que? Quem disse que você não tem?

Meu amigo, todos, TODOS! Temos dons, por mais “inúteis” que sejam aos olhos dos caras altos. Aos olhos de Deus são agradáveis, e você nem percebe.

Talvez sejam coisas simples, que você faz muitas vezes, ou alguma ideia que você teve de algo para fazer que possa ajudar. O dom, no geral é algo que você gosta bastante de fazer, ou vai gostar, pois, é uma parte sua no trabalho de Deus
.
A igreja é como um robô, em que a placa-mãe é Jesus, e o resto como as engrenagens, o óleo, os parafusos, etc, é como se fossem nós. Se a placa-mãe não funcionar, nada funciona, se os parafusos soltarem, o robô se desmonta, se as engrenagens enguiçarem, o robô trava. 

Entendeu? Precisamos uns dos outros para funcionar, e como centro temos Cristo. Cada peça no robô tem sua função, umas mais simples, já outras mais complicadas, porém todas de essencial importância para que o robô funcione normalmente.

Quem disse na verdade quem tem dom é só quem é missionário na África? Só pastor, só cantor, só diácono, diaconisa, ancião, líder? Quem disse? Jesus é que não foi. Certeza. Tá pra nascer a pessoa que vai vir me apresentar o versículo em que diz isso!

Então acorda irmãozinho!

Aí, mas ele faz isso melhor do que eu! Aí mas ela tem mais talento que eu naquilo!

Queridinho, o dom não é aquilo que você faz melhor que outros. E sim, aquilo que Deus usa em você para fazer com que as pessoas percebam o que é o caminho, a verdade, e a vida.

Não precisa de muito para isso. Por exemplo, você consegue fazer as pessoas sorrirem facilmente, pronto. Isso é um dom. Porque através disso você está revelando para o mundo que ainda é possível ser feliz apesar, e, tenho certeza, Jesus fez muita gente sorrir facilmente na época em que viveu. E não somente com as palavras, acredito, mas também com o olhar, ou com o próprio sorriso. Nem todas as pessoas conseguem fazer os outros sorrirem facilmente.

Não é na frente de um púlpito que exercemos nossos dons, e sim, no nosso dia a dia. Com coisas muitas vezes diferentes. Seu dom pode ser algo novo que Jesus inventou somente pra você, ou uma coisa simples que só você consegue fazer.

Ore, jejue, procure seu dom! Peça a Deus para te revelar o seu trabalho aqui. Descubra. Faça uma lista de tudo o que você se acha capacitado de fazer que, de alguma forma, traz as pessoas para Jesus. E, lembre-se, nem todo mundo é escolhido pra ser missionário na África. Seja missionário onde quer que você for, para ou seu peixe, ou para o seu chefe, aquele gordo que só grita seu nome e nem agradece quando você faz a coisa certa (use seu dom da paciência e não insulte seu chefe), (e, se você fala isso do seu capitalista, peça para Jesus controlar seus ânimos). Use seu exemplo, se você faz amizade fácil, dê uma conversada, e aos poucos fale do amor de Jesus. Se você sabe escrever, faça um blog. Se você gosta de gente na sua casa, monte uma classe bíblica pro povão, se você sabe desenhar, seja criativo o bastante para que, através de seus desenhos Jesus seja glorificado. E sim, é possível. Com muita oração, e, mostrando disposição, você consegue.

E sempre se lembre o motivo pelo qual você está se esforçando tanto. O amor é o maior de todos os dons! Uma dádiva. A Salvação através do +.

E, cara, da próxima vez que você disse, ah, mas eu não tenho! Você não pode estar mais certo! Porque o homem, não tem dom nenhum. É algo que vem lá do alto. E, você não tem naturalmente. Mas alguém deu um jeito para que você tenha. Então não se esqueça de Mateus 7:7 “peça e lhe será concedido”(nova versão revisada e atualizada que a Isabela inventou para encurtar o versículo agora).

“Assim, Ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres,  com o propósito de aperfeiçoar os santos para a obra do ministério, para que o Corpo de Cristo seja edificado.” – Efésios 4:11,12


assinado: Isa (tentando ajudar sempre que for possível ou impossível)

Nenhum comentário:

Postar um comentário