quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Pequenos ministérios



Quando se fala em ministério, quais são as primeiras coisas que passam pela sua cabeça? Trabalho missionário, por exemplo, é o que passa na minha. Geralmente pensamos em coisas grandes e notáveis, porque os ministérios que conhecemos são assim, e consequentemente nos empenhamos mais para exercê-los. Mas não é sobre esses grandes que quero falar.

Hoje falaremos sobre os pequenos ministérios. Não que sejam pequenos por não serem tão importantes, nem por não exigirem tanto esforço. Eles são pequenos porque nós os fazemos assim, porque não samos a devida importância. São aqueles que precisamos de uma lupa, aqueles que damos duro para receber um "você não fez mais do que a sua obrigação".

Pequenos ministérios não trazem honra para quem os exerce, mas deixar de exercê-los traz vários dedos apontando, dizendo que não está feito. Seu pastor não vai notar seu pequeno ministério, os irmãos da igreja também não, sua família e até seus amigos mais íntimos não saberão do que se trata. É algo tão pequeno que apenas você, que está sentindo na pele a dor de carregá-lo, e Deus, que nota cada átomo do universo, podem ver. E é por isso que é tão importante.

Seu pequeno ministério é um segredo que você guarda com Deus. É algo rotineiro que você decidiu entregar para Ele. É se esforçar para que seus esforços não sejam para sua própria glória, mas para mostrar para as pessoas que sem Deus você não conseguiria ter feito.

Seu pequeno ministério pode ser cuidar de seu irmão mais novo, pode ser ajudar com algum serviço doméstico em casa ou até fazer a lição daquele professor que não vai com a sua cara. Qualquer pessoa do mundo pode fazer isso, mas apenas aquelas que levam isso como um ministério não vão xingar o irmão quando ele fizer birra. Apenas os que levam a sério seu pequeno ministério se dedicarão para que suas pequenas atividades saiam da melhor forma possível. Dessa maneira, separar uma hora do seu dia corrido para limpar a casa não será simplesmente um peso, mas uma forma de agradecer aos seus pais ou aos adultos que moram com você por todo o esforço que eles fazem para te manter.

Todos nós temos pequenos ministérios. Talvez você não faça ideia de qual seja o seu, mas para descobrir é só ver o que você faz e usar isso para a glória de Deus. No início é um pouco difícil de perceber, mas um tempo depois você já estará levando cada segundo da sua vida como uma oportunidade de mostrar ao mundo a glória de Deus.

Os ministérios são pequenos, sim, mas exigem um esforço enorme. Por outro lado, a consequência são as pequenas alegrias, que só os que se atentaram aos pequenos desafios participarão, e o seu prazer sempre é proporcional ao seu trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário