sábado, 8 de outubro de 2016

Coração Paulista



Sabe o que é?
É que o meu coração é paulista
E tem essa mania besta
De ter várias estações no dia.

E sem essa de primavera
Outono, inverno, verão
Aqui o que rola é euforia
Culpa, medo e paixão

Saio de casa preparada para intensidade.
Se, pela manhã, o sol está na janela
Não ouso, sem blusa e guarda-chuva
Andar pelas ruas da cidade.

É que o sol que sai, engana
E dá até vontade de ficar na cama
Pro calor não fugir mais.
E se está frio, logo se sabe
Que não dura nem uma semana
Pois como bom clima paulista
Sempre sou eu a indecisa
Não sou sempre alegria
Mas também não sou pesar.

E nem venha perguntar
Por que é que sou assim,
Pois nunca vi um questionar
Ante o céu ou a bandeira
Por que São Paulo tem oito letras
E nem obrigando-o a ter três

Tampouco ouvi dizer
Que birra, fuga, teimosia
Convenceu o tal do clima
A durar mais de um mês

Portanto, se quiser mudar
Não vai conseguir
Quem tá na chuva é pra se molhar
Se joga, foge ou deixa partir

Aqui só entra o intenso
Imensidão que só se sabe o começo
E que não dá pra enxergar o fim

Se quiser se achegar, fique à vontade
Mas se acostume com o trânsito
Correria, superpopulação.
Sabe o que é?
Não me leve a mal,
É que é paulista o meu coração.

Mesmo que não bote fé
É desse jeito que ele é
Fazendo frio no verão
Não respeita estação
Mas recebe muito bem
A quem quiser entrar também
Acha lugar onde não tem
E do jeitinho brasileiro toca a vida

Isso aqui é o meu coração, eu sou paulista
Isso aqui é São Paulo
Isso aqui é mistura
Uma só terra, diversas culturas

Como é boa a vista!
Vem ver da janela
O coração paulista
Que sonha, que chove
Que chora e não foge
Que muda de clima
Que toca a vida
Que vê da janela o que a vida traz.

Sabe o que é?
Obrigada pela visita.
Mas se o clima não agradar, insista.
É que o meu coração é paulista
Não tem calendário
Nem é realista
Tem jeito apressado
E se bobear nem liga
Se tem gente na porta
Ou então deixa entrar sem saber quem é.

E quer saber mais?
Mesmo sendo paulista
Eu não curto muito café.

Nenhum comentário:

Postar um comentário