domingo, 25 de dezembro de 2016

Coisas que aprendi em 2016



E aí, pessoal! Como é que vocês estão?

Hoje eu quero compartilhar com vocês algumas lições que aprendi no decorrer desses doze meses. Para mim é muito bom chegar diante dessas lições aprendidas e concluir que 2016 não foi de tudo lutas e escolhas erradas, mas também muita Graça de Deus sobre a minha vida, para me ensinar algumas lições que durarão - assim espero - a vida toda.

Cada lição tem algumas referências, e alguns posts da época que eu as aprendi. Caso tenham curiosidade, todas as referências estarão no final do post. Sem mais delongas...

Bora lá ver o que eu aprendi?

***

1. Ame mais, julgue menos

O amor é capaz de quebrar qualquer barreira imposta por classe social, cor de pele ou dificuldades cognitivas. Eu aprendi que não cabe a mim julgar as razões de uma pessoa ser como é e agir como age - isso cabe somente a Deus! A mim cabe apenas amar, e levar o amor de Cristo até essa pessoa.

Eu não posso dizer que o meu problema é maior ou mais difícil que o de outra pessoa, pois, como diria Marcela Taís, "todo mundo tem as suas próprias guerras".


2. Se todos os teus dias forem ensolarados, não contemplarás o arco-íris

Eu aprendi que são justo os momentos difíceis que nos fazem valorizar os dias de paz. Hoje eu sei que cada luta, dor ou tribulação é uma nova lição aprendida, que me ajudará a enfrentar problemas bem maiores lá na frente.

Eu aprendi a parar de pedir que Deus me livre das tempestades, e começado a orar para que Ele me ajude a deitar junto com Ele no barquinho e dormir.


3. Onde o Pai está, o medo não pode habitar

Esse ano foi, sem dúvida, o ano de reencontro com os meus medos antigos, enterrados no quintal. Demorei um tempo para entender (mas graças a Deus, não tarde demais) que onde a presença de Deus está, o medo não pode habitar. Eu aprendi que, se por algum motivo eu sentir os braços do medo a me envolver, eu preciso voltar correndo aos braços do Pai.

Hoje eu posso dizer: "E no quarto onde morava o medo, descansa a Tua paz".


4. Deus vale mais do que o meu tesouro fofinho

Tesouro fofinho é a forma que eu me refiro a algo em que deposito grande apreço. Nesse ano eu aprendi que vale a pena entregar o meu tesouro fofinho a Deus, pois Deus é muito mais valioso que qualquer admiração minha. Paulo mesmo considerou tudo o que Ele tinha por ganho, reputou como perda por Cristo.

Além disso, aprendi que peças de cristais não foram feitas para ser manuseadas por crianças.


5. Se alguma coisa te tira a paz, entregue-a ao Deus da paz

Em Filipenses, Paulo diz para nós colocarmos diante de Deus todas as nossas ansiedades, e assim, a paz de Deus guardará o nosso coração e os nossos pensamentos (ou sentimentos, dependendo da tradução). Nos versículos que seguem, Paulo continua dizendo para nós pensarmos em tudo que for bom, honroso e de boa fama, e assim, o Deus da paz estará conosco.

Eu aprendi que não é normal andar inquieta e ansiosa, mas que posso confiar todas as minhas ansiedades a Deus - por mais bobinhas que elas sejam.


6. Jesus tem um jugo suave e um fardo leve

Se o peso que tenho sobre minhas costas é maior do que eu posso carregar, quer dizer que não foi Cristo quem colocou isso sobre os meus ombros. Tantas vezes carregamos o peso de querer ser perfeito, e almejamos e nos esforçamos para abraçar algumas virtudes que ainda não é o tempo de abraçarmos.

Precisamos sempre estar atentos à voz do Espírito Santo, para sabermos por onde ele quer nos guiar. E assim nós fazemos, nenhuma vírgula a mais, nenhum ponto a menos.


7. Isso não é uma catástrofe!

Eu aprendi que nem tudo na vida é culpa minha, e que não é porque alguma coisa muito ruim está acontecendo que essa coisa seja uma catástrofe. Olhando para trás, eu já sobrevivi aos meus dias mais difíceis, aos que eu pensei que não teria mais jeito, e porque de agora em diante seria diferente?

Isso não é uma catástrofe! Isso é a vida! E às vezes a vida parece mesmo o fim do mundo, mas na verdade é só o Boss pra passar pra próxima fase.


8. Não existem heróis ou vilões

Classificar as pessoas como boas e ruins dá muito certo em contos de fada, mas só lá. Na vida real, não existem heróis ou vilões: existem pecadores. Somos todos pecadores, e por mais bondosos que sejamos, estamos fadados, pela nossa natureza, a sermos cruéis, a fazermos escolhas erradas e a ferirmos a nós mesmos e aos outros.

Eu não posso me colocar no pedestal de heroína, imaculada e santa, enquanto jogo o resto da humanidade pro inferno. Somos todos pecadores, somos todos maus, todos nós merecemos a condenação. E é apenas pela Graça que nós nos tornamos pessoas melhores (mas ainda cheinhas de erros)

***

É isso galera! Essas foram as minhas lições aprendidas em 2016!
Caso queiram ver as referências de cada lição, continuem lendo.
Caso contrário...
Fiquem com Deus,
e até a próxima! o/

***

Referências

Ame mais, julgue menos

Ame mais, julgue menos é uma música da Marcela Taís, e um dos versos da música é "Todo mundo tem, todo mundo tem as suas próprias guerras". Você pode ouvir clicando aqui
• Aqui no blog tem um texto que escrevi pensando sobre como nós julgamos as pessoas pelo seu passado, sem considerar um processo de regeneração na vida delas: Eu acredito na regeneração


Se todos os teus dias forem ensolarados, não contemplarás o arco-íris

Essa é uma frase de um texto que foi postado aqui no blog: Após a chuva
• Leia Romanos 5.3-5


Onde o Pai está, o medo não pode habitar

• Esse é um verso da música Pequeninos de Nel Braga
E no quarto onde morava o medo, descansa a Tua paz é um trecho da música Marcas do Livres para Adorar
• Leia esse artigo de Leslie Ludy, traduzido por Francine Veríssimo: Série “Os 10 maiores desperdiçadores de tempo” – #2 Medo (parte prática)


Deus vale mais do que o meu tesouro fofinho

• Leia Filipenses 3.7-8 
• Aqui no blog temos um texto sobre entregar a Deus: Entregar, ok. Descansar, talvez
• Você pode ler dois contos que escrevi sobre entregar: Minha dor e Entrega


Se alguma coisa te tira a paz, entregue-a ao Deus da paz

• Leia Filipenses 4.6-9
• Leia 1 Pedro 5.7


Jesus tem um jugo suave e um fardo leve

• Leia Mateus 11.28-30


Isso não é uma catástrofe!

Vem ler o meu testemunho: A história de quando eu decidi me perdoar


Não existem heróis ou vilões

• Leia Romanos 3.23 e um texto sobre esse versículo: Todos pecaram

Nenhum comentário:

Postar um comentário